[bsa_pro_ad_space id=3 delay=8]

Atividade cibernética maliciosa custou até US$ 109 bi aos EUA, em 2016

Relatório do Conselho de Assessores Econômicos da Casa Branca revelou que principais responsáveis estrangeiros são Rússia, China, Irá e Coreia do Norte, além dos concorrentes corporativos, os ativistas, que procuram desenvolver agenda política e crime organizado

Compartilhar:

A atividade cibernética maliciosa custou à economia dos Estados Unidos entre 57 bilhões e 109 bilhões de dólares em 2016, estimou o Conselho de Assessores Econômicos da Casa Branca em relatório apresentado nesta sexta-feira (16).

 

O documento citou a comunidade de inteligência dos EUA dizendo que os principais responsáveis estrangeiros ​​por muito da atividade cibernética contra os objetivos norte-americanos são Rússia, China, Irã e Coreia do Norte.

 

Mas também disse que a atividade cibernética maliciosa não se limita a estrangeiros. Os concorrentes corporativos, os ativistas que procuram desenvolver uma agenda política e o crime organizado também são responsáveis, afirmou.

 

O relatório informou que os esforços efetivos dos setores público e privado para combater a atividade ilícita contribuiriam para o crescimento do Produto Interno Bruto.

 

A Casa Branca culpou na quinta-feira (15) a Rússia pelo devastador ataque cibernético “NotPetya” no ano passado, juntando-se ao governo britânico ao condenar Moscou por ter liberado um vírus que paralisou partes da infraestrutura da Ucrânia e danificou computadores de todo o mundo.

 

* Com informações da Agência Reuters

 

Conteúdos Relacionados

Security Report | Overview

Polícia Federal deflagra operação contra invasão aos sistemas do TSE

Foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão nas cidades de Belo Horizonte/MG, São Paulo/SP, São Miguel do Gostoso/RN e...
Security Report | Overview

Microsoft segue como marca mais usada em golpes, alerta laboratório

Novo estudo da Cisco Talos revela as 30 marcas globais mais usadas por hackers criminosos para ataques por e-mail. Nesse...
Security Report | Overview

Cibercriminosos são detectados fazendo ofertas falsas de trabalho no LinkedIn

Através de ferramentas de inteligência de código aberto (OSINT), criminosos recolhem informações pessoais de usuários, candidatos e recrutadores nas redes...
Security Report | Overview

Pesquisa mostra que IA é prioridade para maioria dos profissionais em todo o mundo

Os resultados do relatório d Check Point revelaram que 91% veem a adoção da inteligência artificial como uma prioridade tendo...