[bsa_pro_ad_space id=3 delay=8]

Panasonic Canadá comunica ciberataque em seus sistemas

Companhia descobriu incidente em fevereiro de 2022 e que afetou alguns dos sistemas, processos e redes. Em nota, a Panasonic afirmou ter adotado medidas para resolver o problema com o suporte de especialistas em cibersegurança e os provedores de serviços

Compartilhar:

Um ciberataque direcionado afetou os sistemas, processos e redes da Panasonic Canadá em fevereiro de 2022, em comunicado enviado para a redação da Security Report nesta quinta-feira (14), a companhia ressaltou que ao tomar conhecimento do ocorrido adotou medidas para resolver o problema imediatamente com seu suporte de especialistas em cibersegurança e os provedores de serviços.

 

“Entre as medidas tomadas, identificamos o escopo do impacto, realizamos a contenção do malware, limpeza e restauração de servidores, reconstrução de aplicações e comunicamos rapidamente aos clientes afetados e às autoridades relevantes”, diz nota.

 

As investigações para apurar o caso seguem em andamento e os times de segurança da companhia estão trabalhado intensamente para restaurar as operações e compreender o impacto causado aos clientes, colaboradores e stakeholders. O incidente afetou apenas a operação no Canadá.

 

Essa não é a primeira vez que a Panasonic é vitima de um ataque cibernético, em 11 de novembro de 2021, a empresa sofreu um acesso ilegal de um terceiro, após uma investigação interna, foi constatado que alguns dados em um servidor de arquivos foram acessados ​​durante a invasão.

 

Na ocasião, a Panasonic trabalhou com uma organização terceirizada e especializada para investigar o vazamento e determinar se a violação envolveu informações pessoais de clientes ou informações confidenciais relacionadas a redes sociais a infraestrutura.

 

A Security Report disponibiliza o comunicado na íntegra:

 

“São Paulo, 14 de abril de 2022 – Em fevereiro de 2022, a Panasonic Canadá descobriu que foi vítima de um ciberataque direcionado, que afetou alguns de nossos sistemas, processos e redes. Adotamos medidas para resolver o problema imediatamente com o suporte de especialistas em cibersegurança e de nossos provedores de serviços. Entre as medidas tomadas, identificamos o escopo do impacto, realizamos a contenção do malware, limpeza e restauração de servidores, reconstrução de aplicações e comunicamos rapidamente aos clientes afetados e às autoridades relevantes.

 

Desde a confirmação deste ataque, temos trabalhado intensamente para restaurar as operações e compreender o impacto causado aos clientes, colaboradores e stakeholders. Nossa investigação, em andamento, revelou que este incidente afetou apenas nossas operações no Canadá. Nossa principal prioridade é continuar trabalhando em conjunto com as partes afetadas para mitigar completamente quaisquer impactos deste incidente.”

 

 

Conteúdos Relacionados

Security Report | Destaques

ALLOS eleva maturidade em Segurança Cibernética com jornada tecnológica

Em parceria com a NetSecurity, a administradora de shoppings conseguiu integrar e automatizar processos, proporcionando uma resposta eficaz a incidentes...
Security Report | Destaques

Eneva aposta em assessment para construir uma infraestrutura de segurança resiliente

Em parceria com a Cisco, a empresa decidiu priorizar uma abordagem personalizada para construir uma infraestrutura sólida e robusta. Case...
Security Report | Destaques

Prêmio Security Leaders: inscrições abertas

O Prêmio mais cobiçado do mercado de Segurança da Informação e Cibernética está no ar. Líderes, Heads e CISOs podem...
Security Report | Destaques

O Burnout Silencioso dos CISOs

Cada vez mais pesquisas de instituições relevantes apontam um processo acentuado de exaustão por parte dos Líderes de Segurança em...