McDonald’s vira isca para novo golpe no WhatsApp

Esquema malicioso consiste em receber uma mensagem de algum contato conhecido convidando a participar da promoção e compartilhá-la para ganhar um cupom de desconto de R$ 500

Compartilhar:

Campanha falsa, distribuída no Brasil, que promete prêmio nas lojas da rede McDonald’s: este é o mais novo golpe virtual propagado via WhatsApp, que acaba de ser identificado pela PSafe. Para atrair as vítimas, os cibercriminosos usam falsos cupons de vale presente da lanchonete, mas cuja real intenção é baixar programas maliciosos nos celulares.

 

Segundo especialistas da PSafe, o golpe consiste em receber uma mensagem de um contato conhecido ou de algum grupo do WhatsApp, convidando as pessoas a participarem da promoção e compartilhá-la com seus contatos para obter um cupom no valor de R$ 500,00. O falso comunicado induz o usuário a compartilhar com dez amigos ou grupos para receber o falso voucher.

 

Ao clicar no link do falso voucher, a vítima é direcionada para uma página com a imagem do McDonald’s, que solicita o compartilhamento do link do falso cupom com amigos via WhatsApp. Em seguida, o usuário é orientado a fazer o cadastro em sites maliciosos que efetuam cobranças indevidas ou a baixar apps falsos (que podem infectar o smartphone), deixando o aparelho do usuário vulnerável a outros tipos de crimes ou tendo prejuízo financeiro.

 

Para evitar esse tipo de golpe, o CEO da PSafe, Marco DeMello, reforça o conceito de que um “cérebro biológico” não é capaz de se defender de um “cérebro eletrônico” (ataque cibernético). Por isso, ter um antivírus instalado no celular é extremamente importante.

 

O usuário que utiliza um aplicativo de antivírus que possua bloqueio de antiphishing (páginas maliciosas), como o PSafe Total, por exemplo, é alertado sobre a ameaça assim que ele clica na URL, podendo evitar o dano. Em média, o PSafe Total bloqueia 500 mil URLs maliciosas por dia.

 

Além de instalar um programa confiável de antivírus é aconselhável manter o sistema operacional sempre atualizado, nunca abrir anexos com extensões executáveis (.exe) e desconfiar de links que chegam por mensagens.

Destaques

Colunas & Blogs

Conteúdos Relacionados

Security Report | Mobile

Mais da metade dos brasileiros não usa senha em smartphones

Pesquisa mostra que 53% dos usuários não protegem seus dispositivos móveis e apenas 21% usam soluções antirroubo; transações bancárias por...
Security Report | Mobile

FakeSpy rouba dados a partir de SMS em smartphones Android

Malware controla remotamente dispositivos infectados e pode servir como vetor para trojan bancário; através de link em mensagem de texto,...
Security Report | Mobile

Falso voucher para a Páscoa afeta usuários em redes sociais

Ameaças disseminadas via WhatsApp e Facebook prometem descontos de até R$ 800 para compra de chocolates em redes varejistas e...
Security Report | Mobile

Hackers aproveitam promoção de varejista para aplicar golpe

Ação de marca de produtos cosméticos daria amostra de creme aos usuários cadastrados; cibercriminosos desenvolveram esquema que sinalava vítimas para...