Hackers são presos em investigação sobre sites da dark web

A operação foi em parceira entre o FBI, a Polícia Federal e a unidade de cibercrime de Israel prendeu ontem. Eles foram acusados de crimes como lavagem de dinheiro, tráfico de drogas, pornografia e venda ilegal de armas

Compartilhar:

Uma operação conjunta entre o FBI, a Polícia Federal e a unidade de cibercrime de Israel prendeu ontem, 06, um hacker israelense que usava a Dark Web para cometer crimes, como lavagem de dinheiro, tráfico de drogas, pornografia e venda ilegal de armas. O homem foi preso no aeroporto Charles de Gaulle (França).

 

No Brasil, a PF cumpriu mandado de busca e apreensão na casa do criminoso, em Brasília. Foram apreendidos dispositivos utilizados para a guarda de criptomoedas e R$ 200 mil em espécie. Outras prisões foram feitas na França, Alemanha e Holanda.

 

“Os suspeitos foram presos depois de criar um site na ‘dark web’”, disse a polícia em comunicado. “O site esteve ativo por um longo período e milhões de dólares de transações foram feitos nele.”

 

A polícia disse que o site levava os usuários para outros sites usados para atividades ilegais e crimes que estavam sendo investigados. “Os sites trabalharam juntos, cobrindo uns aos outros e divulgando ações e transações ilegais”, disse a polícia, acrescentando que as transações foram feitas usando bitcoin.

 

 

Três cidadãos alemães acusados de dirigir um dos maiores sites de dark web do mundo para venda de drogas e outros contrabandos foram presos na semana passada e acusados em dois países após uma investigação de dois anos. Um quarto homem que supostamente atuou como moderador e promotor do site foi levado sob custódia no Brasil.

 

*Com informações da Agência Reuters

Conteúdos Relacionados

Security Report | Overview

Itaú Unibanco lança campanha nacional de Marketing sobre Segurança e fraudes

Filmes serão exibidos na programação da TV Globo; campanha faz parte da estratégia para posicionamento do Itaú como banco referência...
Security Report | Overview

Brasil é uma das principais origens de ataques de DoS, aponta levantamento

Relatório da ISH Tecnologia também apresenta tentativas de logins mais usadas por criminosos, entre outros dados
Security Report | Overview

27% dos ataques cibernéticos na América Latina miram infraestrutura crítica

Pesquisa da Kaspersky também revela problemas no setor de transporte e manufatura
Security Report | Overview

Paris 2024: pesquisa revela que os Jogos estão em alto risco de ciberataques

De acordo com a Unit 42, os ciberataques são as principais ameaças ao evento esportivo mais importante do ano, com...