[bsa_pro_ad_space id=3 delay=8]

Confiança na segurança impulsiona crescimento do mobile banking

Pesquisa da FEBRABAN revela aumento de 70% no número de transações com movimentação financeira através do canal mobile, o que representa 35% do número total de transações identificadas no último ano pelas instituições; engenharia social continua sendo o maior desafio do setor

Compartilhar:

Responsável por 35% das 71,8 bilhões de transações bancárias, o mobile banking apresentou um crescimento de 70% no número de transações com movimentação financeira, totalizando 1,7 bilhão. Esse é um dos destaques da 26ª Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária, feita em parceria com a consultoria Deloitte e divulgada hoje. “A quebra do ceticismo em relação ao uso do mobile banking está justamente no aumento do número de transações”, afirma Gustavo Fosse, diretor setorial de Tecnologia e Automação Bancária da FEBRABAN.

 

Segundo Fosse, a segurança implementada pelo setor financeiro é uma das mais avançadas do mercado, sendo vencida apenas pela engenharia social. “Se as pessoas mantiverem seus antivírus atualizados, forem conscientes e não passarem suas credenciais em esquemas de phishing, dificilmente haverá alguma brecha”, reitera.

 

O aporte em Segurança da Informação feito pelos Bancos continuou em torno de 10% do total investido pelo setor (que foi de R$ 19,5 bilhões esse ano), aproximadamente R$ 2 bilhões. Nesse montante estão incluídos softwares, Pesquisa e Desenvolvimento de novas tecnologias e programas de conscientização dos clientes.

 

Crescimento do mobile banking

 

No total foram realizadas 25,6 bilhões de transações através do mobile no último ano, um aumento de 38% em relação a 2016. A participação desse canal no total de transações bancárias aumentou 3,5 vezes desde 2011, confirmando-se como preferido dos brasileiros.

 

O aumento da utilização do mobile banking foi impulsionado pela facilidade de realizar pagamentos e transferências, abertura de contas, solicitação de cartões de crédito e investimento ou aplicações. O pagamento de contas aumentou 85%, alcançando 889 milhões de transações, frente a 479 milhões no ano anterior. As transferências (DOC e TED) subiram 45%, de 277 milhões em 2016 para 401 milhões no último ano. Contratações de crédito saltaram 141%, de 93 para 225 milhões.

 

“Sem dúvida a conveniência é o que permitiu esse aumento de transações e volume pelo canal mobile. O consumidor demonstra cada vez mais confiança nesses dispositivos e o setor vem investindo para oferecer mais funcionalidades e segurança”, completa Fosse.

 

Conteúdos Relacionados

Security Report | Destaques

Instituição cooperada do Sicoob sofre ataque hacker

A informação começou a circular nesta segunda-feira, após uma série de posts na rede social X acusarem o suposto vazamento...
Security Report | Destaques

Apostar em diversidade é uma resposta para o gap de talentos em Cyber?

A AWS organizou, durante os painéis do re:Inforce 2024, um painel de debates com nove líderes mulheres de Cibersegurança ativas...
Security Report | Destaques

ALLOS eleva maturidade em Segurança Cibernética com jornada tecnológica

Em parceria com a NetSecurity, a administradora de shoppings conseguiu integrar e automatizar processos, proporcionando uma resposta eficaz a incidentes...
Security Report | Destaques

Eneva aposta em assessment para construir uma infraestrutura de segurança resiliente

Em parceria com a Cisco, a empresa decidiu priorizar uma abordagem personalizada para construir uma infraestrutura sólida e robusta. Case...