[bsa_pro_ad_space id=3 delay=8]

A10 Networks desenvolve recurso de proteção para infraestruturas de 5G e nuvem

Lançamento permite aos provedores de serviços criar e operar defesas elásticas de 100 Gbps contra DDoS em um único appliance virtual

Compartilhar:

A10 Networks anunciou essa semana um novo recurso de defesa virtual contra DDoS com a versão software da solução Thunder Threat Protection System (TPS), o vThunder TPS. A nova versão fornece taxa de transferência de 100 Gbps em um único appliance virtual e pode ser expandido para 800 Gbps com clustering de oito vias.

 

Como resultado, os provedores de serviços podem criar defesas elásticas de DDoS de forma escalável durante o tempo de ataque. A tecnologia também permite que seja implantado em ambientes de última geração de computação móvel de borda (mobile edge compute – MEC), economizando espaço e energia.

 

O foco desse lançamento está pautado no movimento de migração das infraestruturas centradas em hardware criadas para fins específicos, para serem mais ágeis e virtualizados. Com isso, as operadoras móveis 5G e os provedores de serviços em nuvem precisam de defesas de DDoS que possam acompanhar esse movimento em direção a nuvens privadas virtualizadas e elásticas.

 

A transição para o 5G torna isso ainda mais crítico, pois as operadoras precisam garantir a disponibilidade de serviços de negócios contra o potencial de grandes ataques DDoS, principalmente durante períodos de alta visibilidade, como eventos esportivos globais e picos de compras sazonais. Os ataques DDoS só aumentam em gravidade à medida que as operadoras expandem os serviços para oferecer suporte a setores orientados por IoT como energia, agricultura, transporte, hospitalar e manufatura.

 

O vThunder TPS fornece às operadoras uma maneira econômica de proteger suas redes e infraestruturas sem provisionar em excesso a capacidade de defesa DDoS. O vThunder TPS fornece aos clientes:

 

  • Defesa DDoS pronta para a nuvem: os clientes podem obter flexibilidade operacional e de implantação com as defesas de DDoS que suportam as principais plataformas de nuvem privada, incluindo KVM, VMware ESXi e Microsoft Hyper-V. Um appliance virtual de 100 Gbps pode escalar para 800 Gbps com clustering de oito vias para atender às necessidades de desempenho das operadoras móveis 5G e provedores de nuvem.

 

  • Agilidade e escalabilidade: com o licenciamento FlexPool® da A10, a capacidade pode ser aumentada em horas via alocação de licença, e não em semanas ou meses necessários para compra, entrega e instalação de hardware. A capacidade pode ser reduzida novamente, realocando licenças para outros pontos de presença quando a demanda intermitente diminuir. O modelo de preço de assinatura da A10 também oferece menores custos de inicialização e atualização.

 

  • Proteção abrangente: quando combinado com o Orion 5G Security Suite, o vThunder TPS fornece detecção e mitigação de DDoS de alto desempenho e proteção contra outras ameaças nas infraestruturas de rede móvel e na nuvem.

 

 

Conteúdos Relacionados

Security Report | Overview

Risco de Ciberataques nas Olimpíadas reforçam necessidade de uma Segurança preventiva

Eventos internacionais de grande porte como os Jogos Olímpicos tendem a se tornar importantes alvos do cibercrime, devido à exposição...
Security Report | Overview

ANPD é formalizada como coordenadora do Sistema Nacional de Inteligência Artificial

Como órgão de coordenação do SIA, a ANPD receberá novas atribuições. Caberá à Autarquia representar o Brasil perante organismos internacionais,...
Security Report | Overview

Nova ameaça do AllaSenha no Brasil faz setor financeiro entrar em alerta

Novo método de ataque, baseado em infecção de scripts Python e uso de plataforma Azure como Comando e Controle tem...
Security Report | Overview

95% das empresas têm problemas de segurança nas APIs, apura novo relatório

Relatório Salt Security State of API destaca ecossistemas de API em rápido crescimento, o aumento da atividade de ataques e...