Tecnologia auxilia na mitigação contra ameaças internas 

Serviço de nuvem ajuda organizações a proteger dados em várias nuvens e dá suporte a setores regulamentados para demonstrar conformidade mais rapidamente

Compartilhar:

A IBM lançou essa semana o primeiro serviço de nuvem do setor para executar gerenciamento crítico em ambientes híbridos e multinuvem, ajudando as empresas a mitigar o risco de ataques cibernéticos e ameaças internas a dados críticos. Criado para o mundo de nuvem híbrida atual, o novo serviço permite que as empresas aproveitem os recursos de segurança de IBM Cloud, não importa onde os dados residam.

 

À medida que as empresas se modernizam, elas adotam cada vez mais uma abordagem híbrida e multinuvem para hospedar suas cargas de trabalho onde elas precisam estar — na nuvem ou no local (on-premise) — para reduzir riscos e demonstrar conformidade. Considerando que uma empresa média usa de oito a nove ambientes de nuvem, as organizações correm o risco de maior exposição a ameaças de agentes mal-intencionados que podem comprometer seus dados.

 

Este é o momento de mitigar a complexidade, especialmente porque os ambientes de nuvem se tornam o principal alvo para cibercriminosos, que buscam acessar e capitalizar dados confidenciais que residem em ambientes multinuvem complexos. Entretanto, reduzir a complexidade não é tarefa fácil. Quanto mais nuvens as empresas usam, mais habilidades diversificadas suas equipes de TI precisam para defender e gerenciar as chaves que protegem seus dados de negócios.

 

“Proteger dados críticos em várias plataformas pode ser incrivelmente complexo, pois basta um elo fraco para colocar em risco toda a estratégia de segurança de uma empresa. É por isso que estamos oferecendo aos clientes um único ponto de controle – permitindo que eles saibam quem tem acesso aos seus dados críticos em todos os momentos – mesmo em outras nuvens”, diz Hillery Hunter, General Manager, Industry Clouds & Solutions, CTO de IBM Cloud.

 

Habilitando a governança de dados para ajudar as organizações a demonstrar conformidade

 

De acordo com um recente estudo global realizado pelo Institute for Business Value (IBV) da IBM, em colaboração com a Oxford Economics, 80% dos executivos C-Suite entrevistados disseram que a capacidade de ter ferramentas de governança e conformidade que funcionem em vários ambientes de nuvem é importante ou extremamente importante para eles.

 

Especialmente com chaves criptográficas que protegem dados críticos distribuídos em muitas plataformas, as empresas podem sofrer com a complexidade operacional ou, pior ainda, com a não conformidade regulatória, se não tiverem uma visão holística do gerenciamento de segurança de dados. Com uma visão única, segura e baseada em nuvem de quem tem acesso a dados críticos, as empresas podem demonstrar sua conformidade com mais facilidade e rapidez, e fazê-lo quase em tempo real.

Conteúdos Relacionados

Security Report | Overview

Investigação desevenda ciberataques usando botnets vendidos a US$ 100 na dark web

Nova análise da Kaspersky mostra ainda que é possível alugar ou comprar parte do código dessas redes de computadores fantasmas...
Security Report | Overview

Brasil é um dos 7 maiores alvos de ransomware, calcula relatório

Posicionamento da companhia ISH Tecnologia também destaca as principais vulnerabilidades cibernéticas localizadas em 2024 e os grupos criminosos mais atuantes...
Security Report | Overview

ChatGPT integrado pode auxiliar na governança e conformidade de dados?

Netskope ampliou o gerenciamento de riscos ao compliance do chatbot da OpenAI com controles de API visando controlar dados confidenciais
Security Report | Overview

Telecomunicações não foram afetadas por Apagão Cibernético, diz Anatel

Para o órgão de fiscalização, o evento ilustra que, à medida que os diversos setores econômicos passaram por transformação digital,...