Procon-SP notifica Itaú e pede explicações sobre instabilidades em aplicativo

Entre as explicações exigidas pelo órgão, o banco deve esclarecer quando constatou o problema, quais providências e protocolos de segurança foram implementados e se houve algum tipo de comprometimento das informações. Aplicativo voltou a funcionar para os clientes na noite desta quinta-feira (03)

Compartilhar:

O Itaú Unibanco enfrentou algumas instabilidades em seu site e aplicativo na manhã de ontem (03). Muitos clientes reclamaram que foram feitos saques não identificados, enquanto outra parcela de usuários aponta a entrada de dinheiro não especificado. Diante do ocorrido, o Procon-SP notificou o banco e pediu explicações sobre a instabilidade no site, aplicativo e outros serviços da instituição financeira.

 

O Grupo Itaú deverá esclarecer quando constatou o problema; qual a previsão de regularização; quais providências e protocolos de segurança foram implementados; se o banco de dados da empresa foi afetado e que tipo de informações foram comprometidas.

 

Também foram solicitadas explicações sobre quais serviços de atendimento foram atingidos e quantos consumidores, afetados; que tipo de transações e operações foram e ainda estão comprometidas; quais os impactos para o consumidor; quantas reclamações foram registradas nos canais da empresa e se esses consumidores estão sendo direcionados para canal específico de atendimento.

 

O Procon-SP também pede explicações sobre como o consumidor poderá exercer direitos como contestação de saques, pagamento de encargos por falta de pagamento de débitos, por conta de falta de acesso à conta e demais demandas decorrentes da indisponibilidade do sistema. Além de informações sobre quais canais alternativos foram disponibilizados.

 

No final do dia desta quinta-feira, o aplicativo do Itaú voltou a funcionar com a seguinte mensagem aos usuários: “Prezados clientes, ao longo do dia tivemos interrupções nos nossos serviços. Informamos que voltamos à normalidade. Você pode realizar suas transferências por PIX até a meia-noite. Os pagamentos de boletos também poderão ser feitos até às 23h00h. Pedimos desculpas pelo transtorno.”

 

Os esclarecimentos deverão ser prestados ao Procon-SP até o dia 7 de março.

 

*Com informações do Procon-SP

 

Destaques

Colunas & Blogs

Conteúdos Relacionados

Security Report | Destaques

ATUALIZADO: Linha do tempo destaca ataques mais recentes

Painel de incidentes foi atualizado com os casos envolvendo a Polícia Federal, a Toyota Brasil, o Sistema de Administração Financeira...
Security Report | Destaques

Novos highlights da RSA: Da Soberania à solidariedade Digital

Fernando Galdino, diretor de Portfólio & Estratégia da SEK, fala à Security Report sobre os pontos mais importantes debatidos na...
Security Report | Destaques

CISOs buscam ocupar novos espaços na empresa

Já é demanda antiga do setor de Cyber alcançar um grau de relevância maior nas organizações, mas agora, com o...
Security Report | Destaques

Polícia abre investigação contra esquema de golpes cibernéticos

A operação se deu essa semana na cidade de Imperatriz, no Maranhão, segundo informou nota divulgada pela corporação. As primeiras...