Operação investiga cibercrimes que causaram prejuízos de R$ 2,5 milhões

De acordo com investigação da Polícia Civil de Santa Catarina, após sequestro de gerentes de um banco em Blumenau, cibercriminosos tiverem acesso à rede da instituição e desviaram aproximadamente R$ 2,5 milhões. Autoridades cumprem mandados de busca e apreensão em diferentes estados brasileiros

Compartilhar:

O Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO) e a Polícia Civil de Santa Catarina coordenaram a Operação Takedown, que gerencia mandados de busca e apreensão, além de prisão preventiva de membros de uma rede cibercriminosa que invade sistemas bancários. Estima-se que a quadrilha tenha causado prejuízo estimado em R$ 2,5 milhões.

 

Após a prisão dos indivíduos envolvidos no roubo e sequestro de duas gerentes de um banco em Blumenau em 2022, as autoridades deram início a uma investigação. O crime teria como objetivo adquirir os notebooks das vítimas, que foram encomendados previamente pela organização criminosa. Esses dispositivos foram solicitados com o propósito de facilitar as invasões e a subsequente retirada de valores da instituição financeira.

 

De acordo com o Ministério Público de Santa Catarina, os integrantes do grupo têm um histórico de crimes e fraudes digitais, sendo que alguns deles também praticaram delitos cibernéticos contra a Previdência Social. Além disso, três ex-colaboradores da instituição financeira prejudicada também foram presos por supostamente auxiliarem nos crimes.

 

A ação aconteceu nesta quarta-feira (7) no Distrito federal, Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Rondônia e Paraíba. E a operação conta com o suporte das forças policiais de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraíba, Rondônia e do Distrito Federal, além da colaboração dos ministérios públicos do Ceará e do Distrito Federal.

 

*Com informações do G1 e do Ministério Público de Santa Catarina

Conteúdos Relacionados

Security Report | Destaques

45% dos CISOs brasileiros temem um ciberataque nos próximos 12 meses, aponta relatório

De acordo com levantamento da Proofpoint, os CISOs permanecem em alerta máximo, mas a confiança entre eles tem crescido. Apenas...
Security Report | Destaques

Cibersegurança quântica é uma demanda urgente para os CISOs?

Organizações como o NIST têm buscado orientar o mercado para a necessidade de evoluir os padrões clássicos de criptografia para...
Security Report | Matéria

Ransomware: 26% das empresas sofreram um ataque por trimestre em 2023

A descoberta foi relatada pelo estudo mais recente da Veeam sobre o malware, apresentado durante o evento VeeamON 2024. De...
Security Report | Destaques

Vazamento de credenciais na Snowflake expõe dados de Ticketmaster e Santander

Um ataque cibernético à Snowflake resultou no vazamento de dados de grandes clientes, como Ticketmaster e Santander. O grupo ShinyHunters...