NEC anuncia aquisição da Arcon no Brasil

Objetivo é integrar o portfólio das duas empresas, uma vez que ambas detêm soluções complementares; organização tem a área de segurança como um dos principais pilares da estratégia de negócios da organização

Compartilhar:

A NEC Corporation anuncia a aquisição do controle da empresa brasileira de cibersegurança, Arcon Informática S.A, que passa a atuar como uma subsidiária da NEC no Brasil. A negociação, que vem se desenhando há alguns meses, foi estabelecida com o objetivo de integrar o portfólio das duas empresas, uma vez que ambas detêm soluções complementares.

Estrategicamente, a oferta de serviços especializados de segurança cibernética da Arcon fortalece e amplia as ofertas da NEC no Brasil. Da mesma forma, toda a expertise alcançada pela NEC, graças ao desenvolvimento de tecnologias de ponta reconhecidas mundialmente, também estará disponível para ser utilizada pela Arcon junto aos seus clientes pertencentes a diversos setores, tais como Energia, Finanças, Manufatura, além de órgãos governamentais.

De acordo com Daniel Mirabile, presidente da NEC no Brasil, a decisão de adquirir o controle da Arcon está totalmente alinhada com os planos da NEC Corporation para os próximos anos, que colocam a área de segurança como um dos principais pilares da estratégia de negócios da organização.

“Pretendemos criar proativamente sinergias entre as empresas, com objetivo de agregar valor ao fornecimento de soluções completas de segurança para os existentes e os futuros clientes. Apesar do momento atual de desafios no cenário econômico local, a NEC mostra, claramente, por meio do aval para esta operação, que está apostando nesta soma de forças que foi selada, além da retomada do crescimento do País. O fato é que o Brasil conta com sistemas de tecnologia da informação muito sofisticados, por isso, vemos um mercado para ofertas de segurança da informação bastante amplo”, afirma Mirabile.

A Arcon, fundada há 21 anos, continuará a ser presidida por Marcelo Barcellos, atual presidente da companhia. Segundo o executivo, a empresa vem atuando de forma consistente no mercado brasileiro, com o desenvolvimento de soluções completas na área de cibersegurança, destacando-se como a maior empresa nacional em market share neste segmento. “Estamos muito satisfeitos com esta união e temos certeza que trará grandes benefícios para nossos clientes e colaboradores”, declara Barcellos.

A NEC estabeleceu sua primeira subsidiária no Brasil em 1968. Desde então, a empresa tem contribuído para uma ampla gama de projetos nacionais importantes, incluindo o fornecimento de tecnologias e serviços para os setores de telecomunicações, radiodifusão e infraestrutura. Mais recentemente, além do negócio de rede para operadoras de telecomunicações, empresas e governos, a NEC tem aumentado sua presença em projetos voltados à segurança, que contempla autenticação biométrica e o fornecimento de soluções avançadas para instalações de grande escala, tais como aeroportos, portos e estádios esportivos no Brasil.

Destaques

Colunas & Blogs

Conteúdos Relacionados

Security Report | Destaques

“O maior inimigo da Segurança é a conveniência”, diz presidente da Genetec

Na visão de Pierre Racz, controles desajustados de Cibersegurança e de Segurança Corporativa podem ser burlados se a fricção com...
Security Report | Destaques

Hackers do bem: esse profissional já conquistou espaço nos times de SI?

Diante do aumento e sofisticação de ataques cibernéticos, a demanda por especialistas que atuam para encontrar vulnerabilidades e auxiliar os...
Security Report | Destaques

Crise com software espião reabre discussões sobre Ciberespionagem no Brasil

Desde a última semana, as autoridades federais têm movido processos e ações de investigação com vistas a entender a extensão...
Security Report | Destaques

ATUALIZADO: Linha do tempo destaca ataques mais recentes

Painel de incidentes foi atualizado com os casos envolvendo o Esporte Clube Vitória, a Assembleia Legislativa de Roraima, os serviços...