Mozilla investe em segurança de software abertos

Parte do programa de apoio MOSS tem financiamento inicial de US$ 500 mil e oferecerá auditoria, correção e verificação de projetos-chave

Compartilhar:

O software aberto é utilizado por muitos empresários e instituições governamentais para aplicações e serviços. Tendo em vista a importância da segurança deles, a Mozilla criou o Fundo Secure Open Source (SOS) para oferecer auditoria de segurança, correção e verificação de projetos-chave de software em código aberto. O Fundo é parte do programa de apoio Mozilla Open Source (MOSS) e tem financiamento inicial de US$ 500.000.

A Mozilla irá contratar e pagar empresas especializadas em segurança para auditar o código de outros projetos, apoiar e implementar correções e pagar o trabalho de remediação para garantir que todos os erros identificados sejam corrigidos. “Software abertos estão cada vez mais nas infraestruturas críticas e nós precisamos investir para mantê-los seguros. Esforços como o Fundo SOS são importante para fazer isso acontecer”, afirma Matthew Green, professor assistente de ciência da computação no Instituto de Segurança da Informação Johns Hopkins.

Conteúdos Relacionados

Security Report | Overview

Ataques cibernéticos crescem cerca de 70% no Brasil em um ano

Os pesquisadores da Check Point Software relatam ainda o maior aumento de ciberataques globais visto nos últimos dois anos, um...
Security Report | Overview

Espiões Cibernéticos respondem pela maioria dos ataques Zero Day, revela análise

Segundo o Google, entre fevereiro de 2020 e março de 2021, foram identificados 11 grupos diferentes explorando 22 vulnerabilidades Zero...
Security Report | Overview

77% dos usuários já tiveram fricção com autenticações por senhas, alerta estudo

Estudo da Unico com o Instituto Locomotiva também informa que 45% desses entrevistados chegaram a enfrentar perdas financeiras. Tais problemas...
Security Report | Overview

Ministério Público Federal entra com ação judicial contra WhatsApp e ANPD

Maior ação judicial da história do Brasil em proteção de dados pessoais tem como base as alterações aplicadas em 2021...