[bsa_pro_ad_space id=3 delay=8]

Microcity lança Home & Office as a Service com foco na segurança doméstica

Além da locação de ativos, serviços de implantação e suporte na casa do usuário, a oferta contempla módulos avançados de proteção e gerenciamento

Compartilhar:

Desde que a pandemia do coronavírus começou, a Microcity vem registrando uma demanda maior por outsourcing de ativos de TI. Para atender ainda melhor aos clientes e se antecipar às suas necessidades, a empresa aplicou sua expertise acumulada em quase 40 anos de atuação para lançar a oferta Home & Office as a Service (H&OaaS).

 

A solução oferece recursos completos para viabilizar um home office produtivo, eficaz e, principalmente, seguro. “Com a pandemia, houve um aumento considerável de ataques cibernéticos no Brasil e no mundo. Muitas empresas colocaram seus colaboradores trabalhando de casa sem preocupações reais com a segurança corporativa”, explica Fabiano Pardini, diretor de Tecnologia e Operações da Microcity.

 

Para assegurar e potencializar a segurança do ambiente de TI doméstico, o Home & Office as a Service oferece dois módulos, o H&OaaS Security & Protection que traz recursos como antivírus, proteção contra ransomware, firewall e criptografia gerenciados, entre outros, e o H&OaaS Security Management que oferece toda a gestão da segurança de TI, com serviços como provisionamento remoto do computador, autenticação multi fatores, conteiner de aplicações, portal self-service de aplicativos e etc.

 

O H&OaaS faz parte do PC as a Service, solução da Microcity que oferece outsourcing de desktops, notebooks e outros dispositivos de acesso, contemplando a gestão total dos ativos e suporte em todo o país, seja na empresa ou na casa dos funcionários. A Microcity possui capilaridade nacional e entrega níveis de acordo de serviços (SLA – Service Level Agreement) que chegam a 97% de solução. Atualmente, a Microcity mantém alocados mais de 200 mil ativos em clientes de diversos segmentos e espalhados pelo país. “Colocar os funcionários dos nossos clientes em casa trabalhando com notebooks e outros ativos da Microcity é a parte mais fácil. Já fazemos isso há muitos anos, antes da pandemia e dessa demanda nascer no mercado. O desafio é combinar esse suporte doméstico com um perímetro que realmente proteja a empresa. É isso que estamos oferecendo agora”, destaca Pardini.

 

Renato Castro, CEO da Microcity, projeta crescer ainda mais durante o chamado “Novo Normal”. “O que surgiu como uma saída temporária deve ganhar cada vez mais espaço no futuro e isso certamente será fundamental para o crescimento que estamos projetando. Só no primeiro semestre de 2020 registramos um aumento de 49% nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado, já batendo a meta de novos projetos traçada para o ano todo. Certamente esse será um dos melhores anos da nossa história”, comemora ele.

Conteúdos Relacionados

Security Report | Overview

Cibercriminosos seguem mirando senhas fracas de PMEs na América Latina

Estudo da Kaspersky mostra que mais de 37% das pequenas e médias empresas latino-americanas sofreram alguma violação de cibersegurança nos...
Security Report | Overview

Novas vulnerabilidades críticas são encontradas em sistemas SAP, Cloudflare e WordPress, alerta laboratório

Consultoria Redbelt Security aconselha as empresas a adotarem uma abordagem colaborativa e proativa, adotando melhores práticas, tecnologias de vanguarda e...
Security Report | Overview

Febraban alerta para ligações de criminosos com falsas gravações para aplicar golpes

Como praxe, as organizações financeiras ligam para clientes como forma de confirmar transações consideradas suspeitas, mas jamais pedem dados pessoais...
Security Report | Overview

Ciberameaças às nuvens públicas crescem 93% em 2024, aponta relatório

Malware (41%), phishing (36%) e ransomware (32%) foram os que mais cresceram, atingindo principalmente ativos e armazenamento em Nuvem...