[bsa_pro_ad_space id=3 delay=8]

Gastos mundiais com SI e Gestão de Riscos chegarão a US$ 150 bilhões em 2021

Levantamento mostra que a segurança cibernética foi a principal prioridade para novos gastos, sendo o grande destaque na opinião de 61% dos mais de 2.000 CIOs pesquisados

Compartilhar:

De acordo com a mais recente pesquisa do Gartner os gastos mundiais com tecnologias para segurança da informação e serviços de gerenciamento de risco devem crescer 12,4% em 2021, chegando a US$ 150,4 bilhões. O número representa uma nova alta, uma vez que os gastos com segurança e gerenciamento de risco cresceram 6,4% em 2020.

 

Os analistas do Gartner disseram que a forte taxa de crescimento reflete a demanda contínua por tecnologias de trabalho remoto e segurança para a Nuvem.

 

“As organizações continuam a lidar com as demandas regulatórias e de segurança para Nuvens Públicas e para Software como Serviço”, diz Lawrence Pingree, Vice-Presidente de Gerenciamento de Pesquisa do Gartner. “Olhando para o futuro, estamos vendo os primeiros sinais de um real crescimento na adoção de soluções de automação e de tecnologias de aprendizado de máquina com suporte à segurança em Inteligência Artificial. Para combater os ataques, as organizações irão estender e padronizar as atividades de detecção e resposta a ameaças”.

 

Na pesquisa Gartner CIO Agenda 2021, a segurança cibernética foi a principal prioridade para novos gastos, com 61% dos mais de 2.000 Chief Information Officers (CIOs) pesquisados ​​aumentando o investimento em segurança cibernética e da informação este ano.

 

Os serviços de segurança, incluindo consultoria, suporte de hardware, implementação e serviços terceirizados, representam a maior categoria de gastos em 2021, com quase US$ 72,5 bilhões em todo o mundo.

 

Dentre os principais gastos com soluções de gerenciamento de risco e segurança, o destaque vai para a Segurança de Aplicações com um gasto de US$ 3.738 bilhões e alta de 12,2%; Segurança para Nuvem com US$ 841 milhões e crescimento de 41,2%; além de Segurança para Gerenciamento de acesso de identidade com investimento de US$ 13,917 bilhões e alta de 15,6%.

 

Entre os segmentos avaliados, a menor área, mas com crescimento mais rápido, é a de segurança para Nuvem, principalmente os fornecedores de segurança de acesso à Nuvem (CASB – sigla em inglês de Cloud Access Security Brokers).

 

“A pesquisa indica que o segmento de CASB é uma escolha popular para organizações que usam a Cloud Computing. Isso se deve ao crescente aumento do uso de dispositivos para interagir com os principais processos de negócios, o que cria riscos de segurança que podem ser mitigados de forma eficaz com um CASB. Os fornecedores de segurança de acesso à nuvem também permitem uma interação mais segura entre aplicações de SaaS e dispositivos não gerenciados”, analisa Pingree.

 

A tecnologia de gerenciamento de risco integrado (IRM – de Integrated Risk Management, em inglês) também está obtendo um crescimento robusto de dois dígitos resultante dos riscos destacados durante a crise pandêmica global.

 

“As áreas de risco significativo que impulsionam a demanda de curto prazo incluem o advento de novos produtos e serviços digitais e os usos relacionados à saúde e segurança, bem como riscos de terceiros, como violações de dados de clientes ou ataques à cadeia de suprimentos”, explica John Wheeler, Diretor Sênior de Pesquisas do Gartner.

Conteúdos Relacionados

Security Report | Destaques

Eneva aposta em assessment para construir uma infraestrutura de segurança resiliente

Em parceria com a Cisco, a empresa decidiu priorizar uma abordagem personalizada para construir uma infraestrutura sólida e robusta. Case...
Security Report | Destaques

Prêmio Security Leaders: inscrições abertas

O Prêmio mais cobiçado do mercado de Segurança da Informação e Cibernética está no ar. Líderes, Heads e CISOs podem...
Security Report | Destaques

O Burnout Silencioso dos CISOs

Cada vez mais pesquisas de instituições relevantes apontam um processo acentuado de exaustão por parte dos Líderes de Segurança em...
Security Report | Destaques

AWS: Descentralização permite priorizar cultura de Segurança nas empresas

O representante de Segurança Cibernética da Amazon Web Services na América Latina, Marcello Zillo, conversou com jornalistas durante o re:Inforce...