[bsa_pro_ad_space id=3 delay=8]

Fortinet tem aumento de 20% em receita no 1T17

Companhia anunciou seus resultados financeiros, revelando faturamento de US$ 403,3 milhões, crescimento de 22% em relação ao ano anterior

Compartilhar:

A Fortinet anunciou os resultados financeiros do primeiro trimestre, encerrado em 31 de março de 2017.

 

“No primeiro trimestre, a Fortinet apresentou um aumento no faturamento e na receita que ultrapassou nossas expectativas e continuou crescendo no mercado”, disse Ken Xie, fundador, presidente e CEO da empresa. “O Fortinet Security Fabric está recebendo uma atenção significativa dos clientes, conforme indicam as implementações, os negócios com múltiplos produtos e nossa expansão contínua nas maiores organizações do mundo todo.”

 

A receita total foi de US$ 340,6 milhões no primeiro trimestre de 2017, que corresponde ao aumento de 20% em relação aos US$ 284,6 milhões no mesmo trimestre de 2016. Na receita total, a receita de produtos foi de US$ 135,3 milhões, um aumento de 9% em relação aos US$ 124,6 milhões no mesmo trimestre de 2016. A receita de serviços foi de US$ 205,3 milhões, um aumento de 28% em relação aos US$ 160,0 milhões no mesmo trimestre de 2016.

 

O faturamento total foi de US$ 403,3 milhões no primeiro trimestre de 2017, um aumento de 22% comparado aos US$ 330,5 milhões no mesmo trimestre de 2016.

 

A receita diferida total foi de US$ 1,10 bilhão em 31 de março de 2017, um aumento de 31% em relação aos US$ 837,2 milhões em 31 de março de 2016. A receita diferida total aumentou US$ 62,7 milhões quando comparada aos US$ 1,04 bilhão em 31 de dezembro de 2016.

 

Até 31 de março de 2017, caixa, equivalentes de caixa e investimentos foram de US$ 1,44 bilhão, em relação aos US$ 1,31 bilhão em 31 de dezembro de 2016. No primeiro trimestre de 2017, o fluxo de caixa das operações foi de US$ 129,7 milhões em relação aos US$ 100,6 milhões no mesmo trimestre de 2016. O fluxo de caixa livre1 foi de US$ 116,2 milhões no primeiro trimestre de 2017 em relação aos US$ 70,6 milhões no mesmo trimestre de 2016, um aumento de 65%.

 

O lucro operacional GAAP foi de US$ 5,4 milhões no primeiro trimestre de 2017, representando uma margem operacional GAAP de 2%. A perda operacional GAAP foi de US$ 3,7 milhões no mesmo trimestre de 2016, representando uma margem operacional GAAP de -1%.

 

O lucro operacional não GAAP foi de US$ 43,0 milhões no primeiro trimestre de 2017, representando uma margem operacional não GAAP de 13%. O lucro operacional não GAAP foi de US$ 30,1 milhões no mesmo trimestre de 2016, representando uma margem operacional não GAAP de 11%.

 

O lucro líquido GAAP foi de US$ 10,7 milhões no primeiro trimestre de 2017, comparado ao lucro líquido GAAP de US$ 2,1 milhões no mesmo trimestre de 2016. O lucro líquido diluído GAAP por ação foi de US$ 0,06 no primeiro trimestre de 2017, comparado a US$ 0,01 no mesmo trimestre de 2016.

 

O lucro líquido não GAAP foi de US$ 31,0 milhões no primeiro trimestre de 2017, comparado ao lucro líquido não GAAP de US$ 20,1 milhões no mesmo trimestre de 2016. O lucro líquido diluído não GAAP por ação foi de US$ 0,17 no primeiro trimestre de 2017, comparado US$ 0,12 no mesmo trimestre de 2016.

 

Conteúdos Relacionados

Security Report | Mercado

Hotéis na mira do vazamento de dados

Pesquisa da Symantec revela que sites podem vazar suas informações de reserva, permitindo que outras pessoas vejam os dados pessoais...
Security Report | Mercado

Tendências de segurança em Sistemas de Controle Industriais

Análise categoriza e classifica os riscos mais recorrentes após observação empírica; menos um terço dos riscos críticos e de alta...
Security Report | Mercado

Minsait amplia oferta de inteligência e segurança de redes com a Allot

Aliança entre as empresas tem como foco suprir a demanda do mercado de telecom brasileiro por dados analíticos com foco...
Security Report | Mercado

Boldon James lança solução de classificação de dados

OWA Classifier estende o suporte de classificação de dados do Outlook para o Microsoft Office 365