Ciberespionagem econômica da China está diminuindo

Segundo autoridade norte-americana, atividade dos hackers chineses parece ter reduzido após promessa do governo de não apoiar ataques ao sigilo comercial dos EUA

Da Agência Reuters

O procurador-geral assistente John Carlin disse nesta terça-feira que a atividade dos hackers chineses parece ter diminuído desde que o governo chinês prometeu em setembro parar de apoiar ataques hackers ao sigilo comercial dos Estados Unidos.

A afirmação apoia as descobertas divulgadas mais cedo este mês pela empresa de cibersegurança FireEye que vazamentos atribuídos a grupos baseados na China tiveram 90 por cento de queda nos últimos dois anos.

“Em geral, as pessoas viram uma mudança na atividade”, disse Carlin, no Centro para Estudos Estratégicos e Internacionais, em Washington.

Mas “há um debate sobre quanto tempo irá durar” a aparente redução na atividade, disse Carlin, acrescentando que o setor privado e as autoridades de inteligência dos EUA estavam provavelmente melhor posicionados para avaliar as tendências hackers.

Destaques

Colunas & Blogs

Conteúdos Relacionados

Security Report | Mercado

Hotéis na mira do vazamento de dados

Pesquisa da Symantec revela que sites podem vazar suas informações de reserva, permitindo que outras pessoas vejam os dados pessoais...
Security Report | Mercado

Tendências de segurança em Sistemas de Controle Industriais

Análise categoriza e classifica os riscos mais recorrentes após observação empírica; menos um terço dos riscos críticos e de alta...
Security Report | Mercado

Minsait amplia oferta de inteligência e segurança de redes com a Allot

Aliança entre as empresas tem como foco suprir a demanda do mercado de telecom brasileiro por dados analíticos com foco...
Security Report | Mercado

Boldon James lança solução de classificação de dados

OWA Classifier estende o suporte de classificação de dados do Outlook para o Microsoft Office 365