Como proteger o dado e garantir a continuidade dos negócios

O cenário atual coloca as áreas de Segurança da Informação em um dilema: como democratizar o acesso de forma segura? Não é fácil resolver essa equação, mas existem caminhos que ajudam o CISO a proteger informações sensíveis, estar próximo do negócio e ser um ponto de apoio nas tomadas de decisão

Compartilhar:

O dado é um dos maiores bens das organizações. Caiu no senso comum que ele é o ouro do século XXI, mas é extremamente complexo cuidar da gestão desse bem, obter conhecimento sobre os valores que ele proporciona para o negócio e entender como é possível proteger, resguardar, acessar e recuperar.

 

Mas a velocidade em que os dados críticos são gerados é maior do que o avanço da maturidade da Segurança em criar mecanismos de proteção. Essa tarefa não é fácil, mas especialistas destacam que existem caminhos para auxiliar nesse trabalho. Um deles é aproximar o time de Segurança da Informação dos projetos desenvolvidos pela organização.

 

Os grandes vazamentos de dados nos últimos meses que resultaram em pagamento de resgate aos hackers para recuperação do dado têm servido de alerta para os gestores de Segurança da Informação no Brasil. É preciso estar preparado não só para prover o acesso, mas para garantir o ambiente seguro e, diante de um incidente, garantir a continuidade do negócio.

 

Esse é o momento da Segurança, garantir esse equilíbrio entre proteger o dado, sem engessar o negócio. Fácil não é, mas existem caminhos e eles estão detalhados no cotidiano dos CISOs que atuam na linha de frente da proteção. Esse caminho de liderança pode ser conferido no e-book que destaca as melhores práticas para conceder acesso, proteger o dado e responder um incidente.

 

Quanto mais a comunidade de Segurança da Informação se unir para analisar como um ataque foi bem-sucedido e atuar para que ele não se repita, mais maturidade será conquistada e menos os negócios sofrerão impactos de ciberataques. O e-book está disponível para download e conta com a opinião de líderes de empresas como Banco Neon, Banco Inter, GRSA/Compass e Sumitomo Mitsui Banking.

 

Conteúdos Relacionados

Security Report | Destaques

AT&T comunica acesso indevido aos dados dos clientes

Registros de chamadas telefônicas e mensagens de texto de quase todos os clientes foram baixados ilegalmente. Em nota, a companhia...
Security Report | Destaques

“Transparência é o fator-chave da relação entre SI e empresa”, afirma Gil Vega, CISO da Veeam

O atual líder de Segurança da Informação da vendor falou com exclusividade à Security Report sobre sua trajetória em diversos...
Security Report | Destaques

BRASPRESS retoma funcionamento do site oficial após ataque de ransomware

Incidente que causou a parada de diversos sistemas operacionais da companhia se deu ainda no começo dessa semana, e forçou...
Security Report | Destaques

Problemas técnicos causam perda de dados de 39 mil chaves Pix da 99Pay

Incidente ocorrido entre 26 de junho e 2 de julho desse ano foi revelado pelo próprio Banco Central do Brasil...